Sorria, pois DEUS está te Filmando! Encontre esta e mais mensagens no site Melhor Conteúdo

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Cuidar,educar e amar!

                                              PROJETO: SUAS PALAVRAS

11ª EDIÇÃO SENTIMENTO

Sentimento da semana: ter "cuidado"

"Minha vida, meus aluninhos, meu ar, meu tudo!"


Na minha profissão, o "cuidado" se  faz presente o tempo todo. Claro, que não e importante somente o cuidar, mas sim: educar, ensinar, amar...
São crianças tão pequenas, carentes do amor da família, carentes de tempo com esses entes tão queridos.
Todos os dias, me beijam, me abraçam e me chamam de tia. A quem diga que é errado, que essas crianças tem que me chamar de professora. Brigo e digo: Sou tia sim! Sou a amiga Simone. Sou a fada madrinha que conta historinhas. Sou a palhaça vestida de criança, querendo entrar na dança. Sou sua segunda mãe, dando-lhe o carinho necessário a tua sobrevivencia a carência. Sou o que você quiser...minha criança!
Cuido delas com muito amor, atenção e cuidados, para que não se machuquem. Não falo das feridas adquiridas em suas artes, traquinagens, mas sim, feridas criadas no coração, pela falta de compreensão com tua condição: ser criança.
Toda vez que uma dessas crianças me chama e diz que me ama, sinto-me o ser mais feliz do mundo, pois como anjos da guarda, sei que me guardam e me querem sempre ali, pertinho delas.
Seu crescimento e seu desenvolvimento, fazem parte do amor que sinto e transmito para cada um dentro daquele equipamento de trabalho, que na maioria das vezes, penso ser um local de diversão, onde volto a ser criança novamente!
O cuidar dos meus aluninhos faz parte de minha profissão, mas o "AMAR" sempre fará parte do que sinto por elas e que saem do fundo do meu coração!
Cuido para que um dia, se tornem adultos sinceros, puros de alma e quem sabe, cuidem do amor que com eles compartilhei.

Simone Martins - 30/06/2011

*Falar da minha profissão, muito me emociona e nada mais importa, nada mais, tem importância, quando falo de minhas crianças!

Vida, sobre vida!

Projeto: SUAS PALAVRAS

11ª Edição: IMAGEM



Presas num casulo artificial.
Sem ar e sem luz...
Quase que elas morreram!

Mas um anjo bom,
Apareceu do nada.
E as belas borboletas,
Se libertaram, voaram!

Será que serão felizes?
Saberão viver sem ti?
Pois soltadas as amarras,
Terás que se virar sem mim.

Qualquer vida, se sobrevivida,
Já serás bem vivida.
E alcançaras a gloria!

Simone Martins - 30/06/2011

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Noite Fria!


Projeto: Suas Palavras
11ª Edição: Sentido
Tema: FOGO!


É difícil descreve-lo:
Tens a cor vermelho intenso.
Sem formas acimetricas,
Espalha-se com o vento!

Sinto-o: quente e ardente.
Sinto-o perto de mim.
Mas não posso toca-lo.

Em noites muito frias,
Onde há muitas festas juninas.
O temos como aconchego,

Mas no fogão sempre quente,
Ajuda muito a cozinheira.
Que de tanto manuseá-lo,
Sente-se tua companheira.

Simone Martins - 29/06/2011



Foto:GOOGLE:http://3.bp.blogspot.com/-cpi-HHR7K6M/Tgs1ry4L9fI/AAAAAAAAAo0/RKoOP7ei0mc/s1600/imagesCA5HQ8EZ.jpg

domingo, 26 de junho de 2011

Aprendizados

Presente do Ceu...

"Tenho certeza que a mamãe da Camily não vai se importar com essa foto postada aqui...Camily minha lindinha!"

Aprendi que: podemos ser o que quisermos, basta confiarmos em nós mesmas e correr atrás...São poucas as pessoas que ganham de presente dos céus a profissão almejada e eu sou uma delas...minha vida sempre foi rodeada de crianças e quando chegou minha hora, la estava eu trabalhando para as crianças...Amo demais o que faço e jamais trocaria por outra profissão...Deus me deu esse presente e faço por onde para merece-lo sempre...Crianças são a minha vida e estando com elas, tenho a certeza de que estarei sempre próxima de DEUS!! Obrigada senhor, posso ate me contradizer em outras situações de vida, mas posso afirmar com orgulho, que estou e sempre estive, na minha profissão...Obrigada Senhor...amém
 
Simone Martins - 26/06/2011

Imagem

"Aos olhos do poeta,
Soma-se o foco da foto
Numa lente que não esconde,
Mas sim fotografa e mostra
Tua alma!"

*Ganhei esse Banner da querida Lindalva!

Simone Martins
26/06/2011

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Sol-Astro Rei


Estou participando deste projeto, muito legal
são de posts.de fotos com reflexão...




Simone Martins - Brasil/2011/05/http://meueuatuando.blogspot.com


"Em teus raios, vejo os teus reflexos.
E nos meus reflexos, eu te vejo brilhante.
Nesse instante, me sinto...
Radiante!"

Ps.Meu sobrinho olhando o sol. Eu estava deitada na grama e tirei essa foto. Ficou legal!

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Teu jeito de escrever

PROJETO: SUAS PALAVRAS

10ª EDIÇÃO: IMAGEM


Menina romântica...
Desliza teus dedos cansados,
Por sobre as teclas da maquina.
Antiga, porem, em otimo estado

Um estado de espírito,
Que a faz escrever,
O tempo todo.

Teus dedos deslizam,
Escrevendo o que sentes.
As palavras vão se formando,
E a menina, ficando contente!

Carta de amor, é sempre bem vinda.
Feita a mão ou numa maquina de escrever.
Ou quem sabe ainda, ser escrita:
No teu modo suave de escrever!

Simone Martins
23/06/2011

Sem paciência!


PROJETO : SUAS PALAVRAS

10ª Edição: SENTIMENTO: PACIÊNCIA



Estou sem paciência...
Sem paciência para escrever,
De pensar e devanear.

Meus delírios se foram.
Minha pena se quebrou.
Minha vida, esfriou...

Estou sem paciência,
Para ter paciência, contigo.
Sem querer comprar outra,
Remendo-te com adesivo.

Termino aqui sem paciência.
Pois, minha paciência:
Tem limites, tem tempo...
Tempo de ter paciência...contigo!

Simone Martins - 23/06/2011

O Céu chora...

PROJETO: SUAS  PALAVRAS

10ª EDIÇÃO: SENTIDOS - CHUVA


"Comparo as aguas caidas do céu, com as lagrimas derramadas por DEUS!



Saio as ruas já de madrugada. Vestindo um vestido muito branco de seda pura, transparente. Caminhando por sobre um salto, Luís XIV, me equilíbrio em  pensamentos. Estou indo não sei aonde, e nem sei o que vou fazer, mas continuo, meu caminho, em direção ao nada. O ceú, de um azul intenso, de repente, fica todo cinza escuro, mesclado com um azul negro. Num som ensurdecedor, escuto agora, raios e trovões, por detrás das nuvens acompanhados de luzes brilhantes. Continuo caminhando não sei para onde...Paro num instante! Estou de frente ao Teatro Municipal. Sento-me nas escadas e fico observando o ceú. Como mudara tão rapidamente? Estava um dia tão lindo, ou seja, entardecer, pois já passam das 17:00 hs.
Senti um cheiro forte de poeira, misturada ás aguas vindas do céu, tornou-se: cheiro de  terra molhada. Senti em meu rosto, uma brisa acompanhada de uma ventania. Chegaram para desgrenhar, desarrumar  meus cabelos. Unidas , fraco e forte, ventos vindos do Norte, teimando em me desarrumar toda. Num gesto espontâneo, arrumo meus cabelos e me levanto. Ergo meus braços para o céu nublado, escuro. Sinto, algumas gotas geladas caindo por sobre meu rosto. Gotas finas e rápidas, uma a uma, num cair perpetuo, passando por meu corpo. Caindo no chão. Abro minha boca, na tentativa de absorver algumas dessas gotas tão refrescantes, inebriantes. E qual o sabor dessas aguas? Sabor de vida adocicada, que acalenta meu coração e minha alma...Comparo essas águas caídas do céu com as lágrimas, pois caem do mesmo jeito: em gotas. Quem sabe, as lagrimas de DEUS!
Agora, já mais forte, essas gotas se uniram para, num ato de misericórdia, molhar todo meu corpo e meu vestido. Sentindo-me, semi nua, me dou um abraço para tentar esconder os meus segredos, meu intimo, meu ser! Afinal, essas águas caídas do céu, ao molharem meu vestido, também me despiu. Mas se estou ali sozinha sem ninguém me olhando, para que se esconder? Ergo os braços novamente e dou um enorme abraço nessas águas vindas do céu, num eterno agradecimento, numa exclamação de puro êxtase, me entrego e me deixo...molhar!
A sensação final, é de ter lavado a alma, de estar limpa, por fora e por dentro. E do mesmo jeito que não conseguimos, controlar as nossas lagrimas, tambem nao evitamos a  união dessas gotas, que rapidamente se formam: em grandes tempestades!
Da mesma forma, também não consigo controlar meus desejos, meus instintos, pois sou toda emoção, lágrimas, sentimentos... deixem as águas rolarem...deixem as lagrimas cairem!

Simone Martins - 23/06/2011


Foto:GOOGLE-http://3.bp.blogspot.com/-qp1OBX97uYw/TgM--LYXGEI/AAAAAAAAAhI/5_DJsQ_Yaak/s320/Chuva-na-janela-600x449.jpg

Talvez tivesse ficado...


Fim de outono...
Sentada olhando o nada!
Ele se foi rapido.
Talvez ficasse,
Talvez nao.
Sei lá...
Seu eu tivesse pedido:
Talvez tivesse... ficado.
Tinhamos tantos planos.
Mas voce se foi...
Não me escutou.
E agora, aqui sozinha,
Fiquei sentada...
Olhando para o nada!

Simone  Martins
23/06/2011